O Mover de Deus em Águas Brasileiras

O campo missionário é transformador quando entendemos que Deus age independe de nós. O que temos de fazer é nos unir ao trabalho Dele. E quando seguimos o Senhor, Ele age em nós.

Viajei dois dias

de São Paulo à Lábrea, para cooperar com nossa equipe de obreiros no Amazonas e tive oportunidade de conhecer os Palmari - Um povo que estava quase dizimado por várias doenças, com apenas 96 pessoas na década de 80. Uma etnia indígena pacífica de pescadores de ofício, que moram em seis aldeias, às margens do Rio Purus, com aproximadamente 1.500 índios, atualmente.

Os Palmari foram alcançados pelo amor de Deus por duas missionárias inglesas, Shirley e Manki, da Missão Além, que moraram na aldeia e dedicaram sua profissão, como enfermeiras, para salvar a nação Palmari, não só fisicamente, mas também proclamando o Evangelho do Reino. Elas iniciaram o trabalho de tradução do Novo Testamento, que foi concluído mais de 30 anos depois. Foram instrumentos de Deus para preservação desse povo.

Passados mais de 35 anos, há uma igreja forte e com liderança nativa, sedenta por conhecer mais a Deus e disposta a servir na evangelização dos Palmari e de todos os ribeirinhos do Purus. Estive nessa igreja, em um culto com músicas congregacionais em português e na língua nativa, com crianças apresentando louvores a Deus e jovens declarando que Jesus é o Rei da vida deles.

Compartilhei breve reflexão baseada em Atos 11 e fomos desafiados a proclamar o evangelho para todas as pessoas. Ao final, aqueles queridos irmãos declararam o compromisso de cumprir ‘o ide de Jesus’ sem qualquer distinção. Vemos nisso o agir de Deus, pois existe uma rivalidade antiga entre ribeirinhos e indígenas.

Assim como o Espírito de Deus se manifestou em Jope, se manifesta na Região do Médio Purus. Há três casais e um jovem solteiro, de Palmari, em parceria com a MEAP, evangelizando comunidades e aldeias. Caciques estão pedindo nossa ajuda, pois querem que seu povo seja evangelizado e discipulado.

Só nessa região são mais de 300 comunidades sem evangelho e pretendemos alcançar todas elas. Esse é um desafio muito grande, mas Deus tem levantado missionários de longe e entre os Palmari, uma nação que Ele mesmo resgatou e restaurou, assim como fez conosco, quando estávamos aniquilados no pecado.

Quero encorajar você a entregar ao Senhor suas inquietações e conflitos e aceitar o convite para servi-lo sempre. Se Ele lhe chamar para um campo específico, vá. Se for entre pescadores e ribeirinhos, venha navegar conosco para que muitos outros sejam alcançados pelo amor redentor do nosso Pai.

Acredito que esse mover de Deus em águas brasileiras é o começo de uma grande onda de avivamento nessas regiões distantes e quase inalcançáveis do Brasil. E meu coração exulta em fazer parte dessa história. Apesar das lutas que vivemos o Senhor foi, é e sempre será fiel em cumprir o que prometeu para mim e para você!


Evaldo Almeida

Abril/2018

0 visualização

MEAP - Base Nacional

 

Av. Helena Maria, 381

Jardim Helena Maria - Guarujá/SP
CEP: 11431-080
Contato: (13) 3383-3784
meapbr@meap.org.br

MEAP - Maranhão

 

Rua Caminho da Boiada, 391

Centro - São Luis/MA
CEP: 65015-560

Contato: (98) 3302-5235 | 98118-0364

meapma@meap.org.br

MEAP - Amapá
 

Av. Professora Cora de Carvalho, 728

Centro - Macapá/AP

CEP: 68900-040
Contato: (96) 3224 3059
meapappa@meap.org.br

MEAP - Amazonas

 

Caixa Postal 01

Centro - Lábrea/AM

CEP: 69830-000

Contato: (97) 98104-2180

meapam@meap.org.br

MEAP - Piauí

 

Rua Joaquim Frota Aguiar, 1445

Dirceu – Parnaíba/PI

CEP: 64210-220
Telefone: (86) 99984-3409
meappi@meap.org.br

 MEAP - São Paulo

Rua Otília Cardoso de Morais, 61

Ariri, Cananéia/SP

CEP: 11990-000

Contato: (13) 3852-1170

meapsp@meap.org.br